Fampress revela praias, cachoeiras e misticismo da Serra do Roncador

por RDNews / Francis Amorim — publicado 06/06/2017 15h20, última modificação 06/06/2017 15h20
Um roteiro de encher os olhos, que incluiu águas termais, praias, cachoeiras, hotéis e pousadas; e todo o misticismo da Serra do Roncador. Essa é Barra do Garças, vista por um grupo de jornalistas de 16 órgãos de imprensa do Estado, que participaram do 1º Fampress realizado para mostrar o potencial turístico da principal cidade do leste de Mato Grosso.

Os profissionais de imprensa conheceram de tudo um pouco, o maior evento religioso do município, a tradicional festa de Santo Antônio, o santo padroeiro da cidade. A gastronomia esteve no centro das atenções com um cardápio com direito a culinária italiana regada a um bom vinho ao tradicional peixe de molho ou grelhado. 

Recepcionados pela secretária de Turismo, Mônica Porto e acompanhados pelo secretário Adjunto de Turismo de Mato Grosso, Luís Carlos Nigro, os jornalistas percorreram locais que Mato Grosso talvez não soubesse que existissem, incluindo no roteiro uma pousada termal no Estado de Goiás. Foram quatro dias de tirar o fôlego, que mereceram uma parada para meditação no maior ponto de concentração de energia do país: o arco de pedra, localizado no platô da Serra do Roncador. 

Roteiro 

O Fampress percorreu também pontos que brevemente serão referência do turismo em Barra do Garças, como o Centro de Convenções com capacidade para 552 pessoas, em fase de conclusão no Centro Universitário do Araguaia, campus da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT). Do desembarque no aeroporto Piloto Pub até o roteiro final, os jornalistas conheceram o que Barra pode oferecer ao turista. 

Orientados pelo guia turístico e biólogo da secretaria de Turismo local, Fernando Penteado, os profissionais visitaram um restaurante flutuante, no encontro dos rios Araguaia e Garças, o Parque das Águas Quentes (complexo turístico público) e a tradicional festa de Santo Antônio, promovida há 66 anos. Na rota conheceram também a cachoeira do Pé da Serra e mirante do Cristo, localizados no Parque Estadual da Serra Azul; a Pousada Termal Água Santa, em Aragarças (GO), com direito a uma praia particular e passeio de barco no rio Araguaia. Um roteiro cheio de aventura e emoções. 

E não acabou por ai. Os profissionais de imprensa se impressionaram com as belas cachoeiras na Pousada Cachoeira Cristal com quedas d'águas naturais e conheceram no assentamento Serra Verde, um projeto piloto dos assentados: o turismo rural com a exploração de várias cachoeiras com uma paisagem exuberante da Serra Azul, que integra o complexo Roncador. 

Roncador 

O Hotel Fazenda São Carlos, às margens da BR-158, foi uma espécie de parada obrigatória para o portal de acesso ao misticismo da Serra do Roncador. O mágico pôr do sol encantou a todos. O secretário Adjunto de Turismo do Estado, Luís Carlos Nigro afirma que é assim que o governo quer mostrar Mato Grosso. "O mundo vai conhecer essas belezas pelas lentes dos órgãos de imprensa e pelas reportagens que serão produzidas por sites, revistas e programas de TVs. O governo estadual está fazendo a sua parte, que é valorizar o potencial de todas as regiões do Estado", relatou. 

O Fampress atingiu seu ponto alto na Serra do Roncador. O visual incomum do bico da serra, na BR-158, e o arco de pedra, simplesmente, encantaram os participantes. Em um dos pontos mais altos da cadeia de montanhas e paredões, os jornalistas conheceram, segundo o biólogo Fernando Penteado, o ponto de maior concentração de energia cósmica do Brasil, de onde se emana vibrações positivas para todo o país. 

"Fechem os olhos, concentrem-se suas mentes em coisas boas que vocês alcançarão. As vibrações deste local são incomuns. Pessoas de várias partes do mundo vem aqui para sentir toda essa energia positiva", aconselhou o guia, que lembrou também a aventura do coronel inglês Percy Fawcett, que buscou no Roncador, a tão sonhada Cidade Z, uma espécie de civilização evoluída. 

Cadeia produtiva

O tour pelas belezas naturais de Barra do Garças se encerrou com uma visita técnica na Fazenda Paraná, que produz cerca de 15 mil quilos de mel de abelha por ano e que espera, a partir do segundo semestre, produzir 12 mil/kg dia para exportação, se tornando a maior produtora de mel no país. Uma moderna fábrica está em fase de instalação. 

"A partir dessa visita, Barra do Garças será vista de uma forma diferenciada. Sites especializadas e a grande mídia de Mato Grosso conheceram um pouco de seu potencial, que ainda tem a temporada de praia, o discoporto, trilha de cachoeira no Parque da Serra Azul, que está prestes a ser liberado e outros eventos que aumentam as opções para quem quer conhecer de tudo um pouco", destaca a secretária Mônica Porto. 

Parceria 

O Fampress foi uma forma que governo do Estado e Prefeitura encontraram para mostrar o potencial de Barra do Garças para o mundo. Quem veio e participou, saiu satisfeito com o que viu. A cidade tem o que oferecer para o turista. O evento turístico começou na sexta (2) e se encerrou nesta segunda (5), ao percorrer uma trilha de pontos místicos na Serra do Roncador.

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.