Senado Federal lança Projeto Jovem Senador 2017

por Assessoria do Senado Federal — publicado 31/05/2017 20h52, última modificação 31/05/2017 20h52
As 19.779 mil escolas públicas de ensino médio da rede estadual e do Distrito Federal começam a receber, a partir desta semana, o material de divulgação e participação no Jovem Senador 2017. A Secretaria de Relações Públicas do Senado iniciou a expedição de 20 mil kits, que serão encaminhados para todos os estados brasileiros, incluindo regionais de ensino e as coordenações estaduais, e deve alcançar mais de 200 mil jovens estudantes em todo o país.

As 19.779 mil escolas públicas de ensino médio da rede estadual e do Distrito Federal começam a receber, a partir desta semana, o material de divulgação e participação no Jovem Senador 2017. A Secretaria de Relações Públicas do Senado iniciou a expedição de 20 mil kits, que serão encaminhados para todos os estados brasileiros, incluindo regionais de ensino e as coordenações estaduais, e deve alcançar mais de 200 mil jovens estudantes em todo o país.

Jovem Senador conta com o apoio de 54 coordenadores nos estados e no Distrito Federal, que auxiliam na divulgação do certame e realizam a interface entre as secretarias de Educação, as unidades escolares e a equipe organizadora do projeto em Brasília-DF.

Regulamentoficha de inscriçãofolha de redação definitivafolheto de divulgaçãocartaz e carta do presidente do Senado compõem o kit do projeto.  As escolas que não receberem o material poderão baixá-lo na página do Jovem Senador, no endereço www.senado.leg.br/jovemsenador.

Serão escolhidas 27 redações vencedoras, uma de cada unidade da Federação, e seus autores serão automaticamente selecionados para vivenciarem como jovens senadores o processo de discussão e elaboração das leis, em Brasília, no mês de novembro. Os professores que orientarem as redações vencedoras também participarão do projeto na capital, acompanhando os alunos vencedores e com uma programação especial.

Para participar, é preciso ter no máximo 19 anos, estar regularmente matriculado em uma escola pública estadual ou do Distrito Federal no ensino médio e escrever uma redação, de 20 a 30 linhas, com o tema “Brasil plural: para falar de intolerância”. A programação completa está disponível no site e, neste ano, as inscrições têm início em 1º de junho e encerram-se no dia 18 de agosto.

Dúvidas e sugestões sobre o Jovem Senador podem ser encaminhadas para o e-mail jovemsenador@senado.leg.br. O Alô Senado – Central de Relacionamento com o cidadão do Senado Federal, também presta informações pelo telefone 0800 612211. A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer ponto do país, das 8h às 19h, de segunda à sexta.

Serviço:

Todos os anos o Senado Federal premia 27 estudantes de até 19 anos que cursam o ensino médio em escola pública estadual ou do DF, um de cada unidade da Federação, e seus professores orientadores. Eles ganham a experiência de conhecer Brasília e o processo de criação das leis no país. A seleção é feita por meio de concurso de redação. Os temas variam a cada ano. Confira o item 3 do Regulamento, "Dos Requisitos para Participar" para confirmar se você pode participar e veja abaixo a imagem que resume as etapas para entender como é o processo de inscrição e seleção. Bom trabalho!

A inscrição do aluno é feita pela escola.
Conforme item 5.2 do Regulamento do Jovem Senador 2017:
  • Estarão inscritas no Jovem Senador 2017 todas as redações remetidas pelas escolas participantes dentro do prazo estabelecido neste regulamento (de 1º de junho a 18 de agosto de 2017) e que tenham sido recebidas pela secretaria de Educação.
  • As redações recebidas pela secretaria de Educação não serão devolvidas em nenhuma hipótese.

Confira todos os itens relacionados ao Regulamento 2017:

Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.